Data: segunda, 04 de julho de 2022
Clima

Projeto “Homem que é Homem” é retomado em parceria com a Polícia Civil

22/06/2022 Foto: Reprodução/Internet

Nesta terça-feira (22), a Secretaria de Desenvolvimento Social e Trabalho (Semds), em parceria com a Polícia Civil (PC), retomou o Projeto “Homem que é Homem", que visa o enfrentamento da violência contra a mulher no município de Aracruz, atuando numa perspectiva preventiva (socioeducativa). O primeiro ciclo de palestras contou com a presença da secretária da pasta, Iohana Kroehling, da delegada titular da Delegacia Especializada em Atendimento à Mulher (DEAM), Amanda da Silva Barbosa, além da equipe da Semds responsável pela execução do projeto .

O “Homem que é Homem” foi idealizado por psicólogas e assistentes sociais da PC, em 2015, e  desenvolvido para contribuir com a redução dos índices de reincidência de violência contra a mulher, a partir da aproximação e do diálogo com os homens denunciados.

Os homens agressores, denunciados na DEAM e que cumprem medidas protetivas em decorrência da Lei Maria da Penha, participam de ciclos de palestras, que acontecem regularmente, com temas voltados para a desconstrução de ideias sexistas e machistas, a partir de determinações judiciais. Dessa forma, a ação estimula formas pacíficas de lidar com os conflitos. Os encontros são conduzidos pela equipe psicossocial da Polícia Civil e da Semds, que também faz o acompanhamento. 

Em Aracruz, o Projeto foi instituído em novembro de 2018 e, após um período suspenso, a Semds retomou as atividades. Inserido no eixo de proteção social do Programa Estado Presente em Defesa da Vida, do Governo do Estado, o “Homem que é Homem” atua para garantir a redução de vulnerabilidades e a promoção da cidadania.

“Esse é um projeto essencial que vem para contribuir, de certa forma, para a diminuição do índice. Além disso, transcende o caráter aparente de punição quando enquadrados na Lei Maria da Penha. Os homens participantes de Aracruz têm a oportunidade de refletir acerca dos acontecimentos que os envolveram, trazendo a reflexão de um novo modo de se relacionar, seja no âmbito familiar, entre outros. Nesta semana, retomamos o projeto e o resultado desse primeiro encontro foi muito bom e, dessa forma, podemos avançar com a implementação e o fortalecimento desse importante projeto”, disse a secretária da pasta, Iohana Kroehling.


TEXTO: Thiago de Barros
E-MAIL: comunicacao@aracruz.es.gov.br