Data: domingo, 26 de maio de 2019.
Horário de Brasília: 06:32

Cras de Guaraná vai formar 80 alunos em cursos gratuitos oferecidos para a população

08/02/2019 SECOM
Alunos do curso de informática no Centro de Assistência Social (Cras) durante uma aula

Alunos do curso de informática no Centro de Assistência Social (Cras) durante uma aula

Desde a última segunda-feira (04) a Prefeitura de Aracruz, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Social e Trabalho (SEMDS) iniciou quatro cursos gratuitos no Centro de Referência de Assistência Social (Cras) de Guaraná. O objetivo é formar oitenta alunos em diferentes áreas de atuação. Ao final os participantes receberão diplomas do Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac).

Os cursos ofertados são o de auxiliar de cozinha, informática básica, automaquiagem e bordado em pedraria. De acordo com a secretária de desenvolvimento social e trabalho Rosilene Filipe Matos o perfil dos alunos foi traçado a partir do banco de dados do Cadastro Único e Bolsa Família.

 “O projeto visa o desenvolvimento de oportunidades para as famílias beneficiárias, buscando geração de autonomia para superação das vulnerabilidades sociais”, destacou a secretária.

Já de acordo com a coordenadora do CRAS de Guaraná, Juliene da Silva Pissarra, a partir dos cursos os alunos poderão se profissionalizar para entrarem no mercado de trabalho sendo até uma boa oportunidade de renda.

“Sem essa iniciativa a população não teria condições de pagar por cursos como esses, os gastos seriam enormes, então a Secretaria de Desenvolvimento Social está ofertando capacitações como essas com objetivo de suprir a necessidade de conhecimento e formação dessas famílias”, ressaltou a coordenadora.

Raquel Elesbão Souza, 14 anos, está fazendo o curso de informática e só tem elogios para o que tem aprendido. “O curso é muito bom e interativo, da pra aprender muita coisa. Tendo o meu certificado isso pode me ajudar a conseguir meu primeiro emprego” disse Raquel.

Susi Arlen da Silva, 35 anos, é uma das alunas do curso de auxiliar de cozinha e disse que está sendo uma novidade muito boa poder participar de uma experiência com essa. “Nós não temos essa oportunidade que estamos tendo agora, então vamos poder adquirir conhecimento e transformar isso em renda no futuro”, frisou Susi.

Pré Requisitos

Todos os alunos foram escolhidos para participarem do projeto após uma visita feita por uma psicóloga em diversas casas do distrito para convidar a população e também analisar se essas pessoas se encaixavam nos pré requisitos definidos para cada curso.

Para o curso de auxiliar de cozinha era necessária idade mínima de 16 anos, escolaridade mínima (Ensino Fundamental II incompleto). O de informática básica estar cursando o 8º ano do Ensino fundamental e estudantes do 2º ano do segmento exclusivo da EJA. O curso de automaquiagem era necessária idade mínima de 12 anos e escolaridade mínima (6º ano do ensino fundamental. E finalizando, o de bordado em pedraria apenas ter idade mínima de 14 anos.

TEXTO: Daniel Marçal
E-MAIL: dmarcal@aracruz.es.gov.br